O Conselho Nacional de Saúde publicou recomendação em que aprova as práticas integrativas de medicina no combate e tratamento da Covid-19, o novo coronavírus. Com isso a AMHMS (Associação Médica Homeopática de Mato Grosso do Sul) deu início a uma ação de tratamento para os moradores adeptos da homeopatia. Mais de 1,6 mil pessoas se inscreveram, segundo associação.

Em um link de inscrição para participar do tratamento, o morador pagará R$ 12 pelo medicamento que a associação receitar e o formulário segue disponível até o próximo dia 10 de junho. A ação da AMHMS é destinada para promover o uso do medicamento que será distribuído pela farmácia homeopática participante do projeto e só é revelado após o paciente aderir a ação.

A decisão é justamente para reduzir a divulgação do medicamento e prevenir a ‘automedicação descontrolada’, explicou a associação no formulário. Serão liberadas quatro doses do medicamento.

“As pessoas que fazem essa inscrição se propõem a tomar o medicamento orientado pela AMHMS. Esse medicamento será distribuído em 4 doses. Será um frasco com 8 glóbulos do medicamento, para serem tomados 2 glóbulos uma vez por semana, durante 4 semanas”, relata o formulário.

O presidente da AMHB (Associação Médica Homeopática Brasileira), Luiz Darcy Gonçalves Siqueira, é residente em Campo Grande e explicou ao Jornal Midiamax que desde o inicio da pandemia no Brasil a associação tem estudado possíveis medicamentos para auxiliar os pacientes a diminuir o sofrimento causado pelos sintomas do coronavírus.

“Em situações como essa que estamos vivendo também podemos utilizar um desses medicamentos como auxilio à prevenção em pacientes assintomáticos, o que tem sido feito em várias cidades do Brasil e em Campo Grande como forma de acompanhar o uso dessa medicação, foi elaborado um formulário para o paciente responder e se ter um controle do uso da medicação”, disse o médico à reportagem.

Orientação do Conselho Nacional de Saúde

De acordo com a CRF (Conselho Regional de Farmácia), a ação é totalmente legal e segue todas as orientações do Conselho Nacional de Saúde, referente as PICS (Práticas Integrativas e Complementares em Saúde).

“Até o momento não foi divulgado nenhum tratamento totalmente eficaz para a pessoa que contrai o Coronavírus. É importante que as pessoas não façam a automedicação, e que procurem a assistência médica ao detectar os sintomas. A homeopatia na Covid-19 vai agir diminuindo a suscetibilidade do paciente à doença e causando a mitigação dos sintomas caso ocorra a infecção “, orienta o assessor técnico do CRF/MS por meio da assessoria.

Link da matéria : https://www.midiamax.com.br/cotidiano/2020/com-aval-de-conselho-homeopatia-sera-usada-contra-coronavirus-em-ms